Não é FAKENEWS, é CORRUPÇÃO

Faltando poucos dias para o fim das eleições 2018 o PT vem lardeando através da TV e redes sociais que estão sendo vítimas de fakenews

Só lamento esse pensamento do PT. O que eles (PT) esquecem é que o sentimento do brasileiro é um só: acabar com a corrupção que o próprio partido institucionalizou no país. 

Não são as fakenews que derrubaram o PT. Pelo contrário. O maior líder do partido, hoje, está preso, e, um dos motivos é a corrupção. 

Seguindo essa linha, faço algumas perguntas. Fernando Haddad irá combater a corrupção? Haddad conseguirá enfrentar o monstro da corrupção criado pelo próprio PT durante os 13 anos que eles governaram o Brasil? 

Sem poder responder essas questões o PT mergulha numa lama sem volta. 

Logicamente que, Educação, Segurança, Saúde e Saneamento entre tantos outros problemas do país devem ser discutidos, mas resolvendo o problema da corrupção, com certeza, sobrará dinheiro para resolver boa parte dessas angústias dos brasileiros. 

Portanto, não são as fakenews que derrubaram o PT e sim a corrupção que se institucionalizou durante seu governo. Essa roubalheira deixou o brasileiro estarrecido. Lembram do MENSALÃO e PETROLÃO? 

O brasileiro quer discutir nestas eleições pontos palpáveis e a corrupção é um dos temas principais que chega muito próximo do entendimento da população. Seja os mais ricos até os mais pobres a corrupção é entendido por todos. E tem mais, quem precisa dos serviços públicos é inteiramente preocupado com o desvio do dinheiro público. Uma vez que os bilhões desviados poderiam ser investidos em áreas sociais importantíssimas. 

Não adianta o PT espernear, o único candidato capaz de conter a corrupção é Bolsonaro. Ou vocês acham que Fernando Haddad seria capaz de acabar com a corrupção no país? Vale lembrar que o candidato Fernando Haddad busca conselhos com o presidiário Lula, condenado por CORRUPÇÃO PASSIVA e LAVAGEM DE DINHEIRO. 

Enfim, não são as fakenews que derrubaram Fernando Haddad e o PT e, sim, a CORRUPÇÃO. 

Veja também...

NAS REDES SOCIAIS

Siga as novidades também em nossas Redes Sociais