Senadores votam contra a vontade do Brasil.

Senadores votam contra a vontade do Brasil.

Bolsonaro, o porte de armas e o Congresso Nacional.

É engraçado e curioso algumas coisas que acontecem no Brasil.

A grande maioria da população não acredita nas promessas de políticos durante a campanha eleitoral. A frase já virou mantra “isso é conversa de político” ou “promete mas não cumpre”.

O único Presidente do Brasil que tenta todos os dias colocar em prática suas propostas de Governo prometidas durante toda sua campanha eleitoral, encontra dificuldades para colocar em prática suas propostas.

Agora veio do Senado a negativa sobre o decreto das armas que flexibiliza o porte ao cidadão brasileiro.

Bolsonaro foi eleito Presidente e, essa proposta de flexibilizar o porte de armas foi uma das suas promessas. Ganhou a eleição, e junto ganhou seu PLANO DE GOVERNO, isso quer dizer que, os eleitores que votaram em Bolsonaro deu de certa forma carta branca para ele colocar em prática aquilo que prometeu.

Mas hoje os Senadores barraram seu Decreto.

Portanto, o Brasil foi as ruas, e depois demonstrou nas urnas sua vontade de mudança, mas parece que os Senadores não acordaram para esse novo Brasil.

Veja também...

NAS REDES SOCIAIS

Siga as novidades também em nossas Redes Sociais